Páginas

Sobre


Alexandre Pierre Mattei, atleta de Kayaksurf, campeão que conquistou diversos títulos em sua modalidade, lança mais uma novidade para o Surf … e ele conta pra gente como tudo começou….

Em 1996 eu percebi que um vizinho estava jogando um caiaque fora na calçada e, reparando que a embarcação estava em bom estado, peguei-o pra mim.

Eu surfava de pranchinha, mas em dias de ondas pequenas comecei a arriscar surfar de caiaque. Com o tempo peguei prática e entrava em qualquer mar com ele, executando algumas manobras dentro das possibilidades de um caiaque de passeio, não apropriado pra surf.

No início de 1997 estava com muita prática e me divertia muito surfando sentado no caiaque. Em um destes treinos, comentei que era muito divertido Kayaksurf, mas daí um surfista que estava esperando a onda por perto afirmou que surf mesmo tem que descer a onda de pé, isso brincando mas me desafiando. Quando ele me disse que eu não era bom o suficiente pra surfar de pé no caiaque eu aceitei o desafio e consegui! Surfei de pé mesmo!

Comecei a praticar surf de pé sobre o caiaque só por brincadeira, mas com o tempo aquilo me dominou, fissurei mesmo e não conseguia mais parar. Nem ia mais surfar de pranchinha, só queria surfar sobre meu caiaque e descia altas ondas daquela forma!
Um dia a TV Tribuna estava cobrindo um campeonato no Tombo e me viram surfar daquela maneira diferente. Vendo de longe fica muito similar ao atual Stand Up Paddle Surf (SUP), esporte que tomou as praias de todo o Mundo, atualmente.

Marcamos uma filmagem e, no dia 13 de setembro de 1997, o Globo Esporte veiculou a primeira reportagem no Brasil falando sobre Paddle Surf.


Na verdade ninguém sabia como se chamava aquilo, pois só eu o praticava, nem os surfistas mais experientes e viajados pelo mundo nunca tinham visto nada parecido, daí eu procurei no dicionário como seria REMO em inglês, daí batizei aquilo de PADDLE SURF, foi por puro bom senso. Nunca imaginaria que, dez anos depois teríamos um esporte bem similar e com este nome, pois o stand Up Paddle Surf invadiu as praias do Brasil a partir de 2007.

A partir das pranchas de SUP comecei a idealizar o equipamento dos meus sonhos: uma prancha própria pra Kayaksurf e surf de pé, ou melhor dizendo, pra Kayaksurf e Stand Up ao mesmo tempo.

No final de 2010 eu procurei o shaper Maurício Souza da Bless Sports, em Florianópolis, pois este fabrica Waveskis, Kayaksurfs e agora SUPs. No início ele não acreditou na minha idéia, mas aceitou o desafio.
O mais difícil foi achar a posição exata para as barbatanas, aquele par de ressaltos sobre a prancha e que me prendem a prancha para manobrar sentado.

Essa história é bem comprida e vou resumir afirmando que acertamos de primeira tudo! A angulação, o tamanho, o correto posicionamento e o material também. Internamente são feitas de isopor e laminadas com fibra de carbono. para não machucar, são revestidas de borracha EVA, a qual serve também para dar maior fixação das pernas, conforto e segurança, prende mesmo! Porém, se virar na onda, o praticante sai na boa, não fica preso como no caso do caiaque fechado ou do waveski.
Instalamos dez quilhas para fazermos os testes e agora já tem mais uma… é um protótipo e temos que descobrir as melhores opções para aquela nova modalidade de surf.

O equipamento funcionou muito bem, surfo bem tanto sentado quanto de pé e afirmo que a moda vai pegar, nos próximos anos veremos Shark Paddles no mundo todo e os equipamentos evoluindo cada vez mais.

No encontro de Surf a remo na riviera de São Lourenço, deixei algumas crianças brincarem com ele e reparei a extrema facilidade que se levantam e depois sentam de novo na prancha, eles adoraram! Inclusive um pai já encomendou um shark com o Maurício.

O potencial é imenso, pois é um esporte que possibilita explorar a onda ao máximo, se ela engorda ou diminui, é só sentar que ela se torna grande de novo, depois pode decidir se levantar de novo e assim vai… garanto que é muito divertido.

Este esporte irá ocasionar um verdadeiro “boom” da canoagem onda, pois as pessoas não temem entrar dentro de um shark, e assim, saberão como é gostoso surfar sentado.

A primeira prancha ficou pronta no final de fevereiro e já tem mais duas na fila para serem construídas pela Bless Sports.

Confira toda a historia em fotos e e videos aqui no site. E estou a disposição para dúvidas e eventuais encomendas do novo Shark Paddle.

Um grande abraço a todos e confiram sempre as novidades e fotos deste novo esporte aqui no meu site-blog sempre sendo atualizado por mim.

Alexandre Pierre Mattei.